InfoFeiras
PERSE – Setor de eventos impulsionando a economia na retomada

PERSE – Setor de eventos impulsionando a economia na retomada

Com a flexibilização das medidas sanitárias referentes ao combate a COVID-19 e com o fim dos vetos ao Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos (PERSE), o setor de eventos, entretenimento e cultura é responsável por 4,32% do Produto Interno Bruto Nacional (PIB), e é a grande aposta para a retomada e o impulsionamento da economia em 2022.

O segmento possui 52 áreas de atuação e mais de 23 milhões de trabalhadores, distribuídos por mais de 590 mil atividades ao longo de todo o ano. Com toda essa expressão, o setor movimenta aproximadamente R$ 270 milhões, uma grande parcela da economia brasileira.

Após o fim das restrições, aliado à derrubada dos vetos do Governo Federal ao PERSE, o setor, mais impactado pela pandemia, passa a ter mais liberdade de atuação.

De acordo com o presidente da Associação Brasileira dos Promotores de Evento (ABRAPE), a resposta da área foi imediata e possui a capacidade de impactar de maneira rápida os índices de movimentação econômica e geração de empregos.

Sobre os vetos ao PERSE

Depois da derrubada dos vetos ao PERSE, as empresas do setor aguardam promulgação presidencial à proposta de desoneração fiscal, com isenção de tributos como PIS/Pasep, Contribuição Social, Imposto de Renda das Pessoas Jurídicas e Cofins por 60 meses.

Essa medida é considerada de muita importância, já que dá fôlego para as empresas planejarem e investirem recursos para recuperar as perdas que ocorreram ao longo do período de paralisação.  

Juntos, esses tributos somam cerca de 13,5% do lucro real das empresas, e essa isenção irá permitir que estes recursos sejam empregados na retomada das atividades.

Segundo os especialistas, o investimento que vai sustentar o Programa representa menos de 2% do total em renúncias fiscais realizadas durante todo o ano pelo Governo Federal. Esse benefício de desoneração é para ajudar o setor a pagar as dívidas.

O setor de eventos é gigante e merece toda a atenção das autoridades, já que ele é um dos principais responsáveis por fazer a economia girar. O Infofeiras apoia todas as medidas que auxiliam o segmento a retomar de maneira crescente e saudável.

Quer saber mais sobre as novidades do setor? Continue acompanhando os nossos canais e veja outras notícias: infofeiras.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *